quarta-feira, 22 de maio de 2013

A Simbologia acerca do Espírito Santo

A Bíblia utiliza vários símbolos para falar do Santo Espírito de Deus! Gostaria de compartilhar alguns...


FOGO
No evangelho de Lucas 3:16 diz: "João respondeu a todos: "Eu os batizo com água. Mas virá alguém mais poderoso do que eu, tanto que não sou digno nem de desamarrar as correias das suas sandálias. Ele os batizará com o Espírito Santo e com fogo." Encontramos o simbolismo do fogo bem diversificada e operações para corrigir os defeitos da nossa natureza e nos leva a fazer a vontade de Deus.

a) O FOGO QUEIMA
Uma das formas da presença de Deus (Hebreus 12:29). Deus é chamado de “fogo consumidor”, e temos aqui uma referencia à manifestação da ardente santidade de Deus. (Êxodo 3:2).

b) O FOGO CONSUME
Consome o que é combustível como exemplo madeira, palha, feno... (1 Corintios 3:13-15). O Espírito Santo é contra a falsidade, o que não feito com amor e não que não glorifica a Deus.

c) O FOGO LIMPA
Somente o fogo pode purificar. O Santo Espírito refina, através da sua santidade nos purifica e destrói o pecado pelo fogo (Isaías 6:6-7 e Números 3:3-4).

d) O FOGO NOS LEVA A CONTRIÇÃO
Com o calor do fogo há materiais que derretem. O fogo do Espírito Santo derrete os nosso corações nos levando a viver as experiências como em Atos 2 (Pentecostes).

g) O FOGO ILUMINA
Israel era guiado a noite por uma coluna de fogo (Salmos 78:14). O Espírito Santo nos guia no caminho da verdade. (Gálatas 5:18).


VENTO 
"E de repente veio do céu um som, como de um vento veemente e impetuoso, e encheu toda a casa em que estavam assentados."Atos 2:2. Não se vê o vento, mas sentimos e sabemos é real. 

"O vento assopra onde quer, e ouves a sua voz, mas não sabes de onde vem, nem para onde vai; assim é todo aquele que é nascido do Espírito." João 3:8. Este versículos deixa bem claro que o Santo Espírito não depende do homem. A mesma palavra “pneuma” que é usada em referencia ao Espírito Santo, também é traduzida por “vento”, “ar” ou “fôlego”. Deus soprou em Adão o fôlego da vida e ele tornou-se alma vivente. Este mesmo vento "soprou" sobre os discípulos e os encheu do Santo Espírito (João 20:22). 
a) VIDA
Três quartos da alimentação dos homens e dos animais vem do ar- oxigênio.  Também a vegetação depende da alimentação que provem do ar. Podemos viver alguns dias sem outros tipos de alimentos, mas sem o ar, apenas por alguns minutos. A grande lição é que sem o Espírito Santo não há vida espiritual! (Ezequiel 37:9,10).

c) PODER
Como o vento forte e impetuoso, o Espírito Santo manifestou-se, onde os cristãos primitivos estavam reunidos no dia do Pentecostes. Eles foram cheios do poder e dos dons sobrenaturais. (Atos 2:2;37-41).

d) REFRIGÉRIO
O vento muda a sensação térmica, refresca, ameniza o calor. O Espírito Santo opera muito parecida levando os cristãos a um refrigério da presença de Deus. O vento (oxigênio) também alimenta o fogo o que simboliza uma ação simultânea do Espírito Santo. O vento é a atmosfera em movimento e tem caráter permanente, o que ensina que o Pentecostes deve continuar presente até a volta do nosso Salvador (Jesus Cristo). (Atos 2:1-4).


ÁGUA 
"E no último dia, o grande dia da festa, Jesus pôs-se em pé, e clamou, dizendo: Se alguém tem sede, venha a mim, e beba. Quem crê em mim, como diz a Escritura, rios de água viva correrão do seu ventre. E isto disse ele do Espírito que haviam de receber os que nele cressem; porque o Espírito Santo ainda não fora dado, por ainda Jesus não ter sido glorificado." João 7:37-39

a) ORIGEM 

Cristo, a fonte (João 7:37-38). A chuva vem do céu (Isaías 55:10), o Espírito Santo foi enviado do céu. (Atos 2:33).

b) QUANTIDADE

A água é abundante é indispensável para vida, nosso corpo tem a média de 70% de água, dois terços da terra é de água...
b.1 – Água de um odre, insuficiente (João 7:37). Simboliza a acomodação de uma vida espiritual fraca e raquítica.
b.2 – Água de um poço, limitada (João 4:6,13). Embora as portas do céu estejam abertas, a proporção que recebemos depende da nossa disposição de buscar.
b.3 – Água a jorrar , ilimitada (João 4:14). “Fonte a jorrar para a vida eterna”. Escolha sua parte!

c) UTILIDADE

A água sacia a sede (Salmos 42:2; 23:2). Estas é uma das ações do Santo Espírito. A água faz brotar as árvores e a erva (Jó 14:9; Isaías 44:4), assim também o Espírito Santo renova e produz frutos em nossas vidas. (Gálatas 5:22; Salmos 104:30). A água limpa (Hebreus 10:22) assim o Espírito Santo nos lava (Tito 3:5). A água fertiliza e faz prosperar (Isaías 44:3). Estas utilidades são reais e representam as benções do Espírito Santo que temos experimentado e podem ser utilizadas por quantos quiserem buscar com fé. 
A água é indispensável a vida e tem poder renovador, restaurador e refrigerador da presença de Deus através do Espírito Santo. Nada vive sem água, como também não vivemos sem o Espírito Santo.


ÓLEO

Nas escrituras o óleo é também um símbolo do Espírito Santo (Zacarias 4:2-6). Era usado nas solenidades de unção e consagração de profetas, sacerdotes e reis (Êxodo 30:30; Levítico 8:12; 1 Samuel 10:1: 16:13; 1 Reis 13:16). O óleo é considerado símbolo do Espírito Santo porque era usado nos rituais do Antigo Testamento. 
Aplicação simbólica do Óleo (azeite):
1 – Azeite na orelha – Levítico 14:17 – Habilitação para ouvir a voz de Deus  (Apocalipse 2:17).
2 – Azeite na mão – Levítico 14:17 – Habilitação para o trabalho de Deus (Zacarias 4:6).
3 – Azeite no pé – Levítico 14:17 – Habilitação para andar nos caminhos do Senhor (Gálatas 5:16).
4 – Azeite no rosto – Salmos 104:15 – Brilho de alegria espiritual (2 Corintios 3:18).
5 – Azeite em outras vasilhas – 2 Reis 4:4-6 – Bênçãos para outras pessoas (Romanos 5:5).
6 – Azeite nas feridas – Lucas 10:34 – Símbolo de restauração pelo Espírito Santo (Lucas 4:18).

Composição e uso especial do Óleo (azeite): 

1 – Era proibido fabricar outro óleo com a mesma composição (Êxodo 30:32,33), ninguém podia imitar o Espírito Santo.

2 – Era proibido usara o óleo sagrado para fins particulares assim também o Espírito Santo não pode ser usado mas,  Ele usa os servos de Deus (Êxodo 30:32).


3 – Além disso o óleo era usado para alimentar, iluminar (as lâmpadas do templo), curar as enfermidade, suavizar a pele, etc. Da mesma maneira o Espírito Santo alimenta, ilumina, lubrifica, cura e suaviza a alma, glória a Deus pelo dom do Seu Espírito Santo.



SELO

Efésios 1:13 e 2 Timóteo 2:19

O selo é prova de posse, legalidade e autoridade do Espírito Santo. O selo do cristão é o Espírito Santo e o selo tem relação com os recebimento dos Dons do Espírito Santo. Como Jesus foi batizado nos igualmente precisamos ser também. Jesus foi batizado, selado, pela razão de Seus próprios méritos (Mateus 3:16) e nós somos selados pelos méritos de Jesus (1 Corintios 1:30 e Romanos 8:32).



POMBA 

O Espírito Santo desceu sobre os discípulos como fogo (pois havia o que queimar). Sobre Jesus, veio em forma de uma pomba que simboliza a pureza e inocência de Cristo. 
a) A pomba saiu da arca depois do juízo do sepultamento da terra nas águas e sua imersão (Gênesis 8:8-12).  O Espírito Santo veio do céu sobre os discípulos depois do juízo que caiu sobre Jesus por causa dos nossos pecados. Seu sepultamento e ressurreição (Atos 2:14; Romanos 6:3-5)

b) A pomba saiu da arca (Gênesis 8:8). O Espírito Santo veio através da arca – Cristo (Lucas 24:29; Atos 2:33).


c)A pomba foi enviada três vezes e na terceira vez ficou. (Gênesis 8:8,9: 10:11-12). O Espírito Santo foi enviado três vezes: a primeira sobre os profetas, a segunda sobre Jesus e a terceira no Pentecostes sobre a Igreja e veio para permanecer com ela. ( 1 Pedro 1:10,11; Mateus 3:16; Atos 2:1-4; João 14:16-17). A pomba é uma ave limpa e era usada para sacrifícios (Lucas 2:24). Geralmente, se admite que este símbolo (a pomba) fala de gentileza, pureza e paciência.  Não há dúvida de que estas virtudes são próprias do Espírito Santo e determinam a maneira como Ele age no crente para produzir estas qualidades dignas do céu.


Nenhum comentário:

Postar um comentário