segunda-feira, 6 de dezembro de 2010

BETESDA

‘‘...Queres ficar são? Perguntou-lhe Jesus, e o homem respondeu: como Senhor, se quando as águas mexem não há ninguém que me ajude a entrar na água, e quando vou outra pessoa já entrou antes de mim! Então disse Jesus: Levanta-te toma tua cama e anda! Imediatamente o homem se levantou e andou...’’ (João 5:6-9)

Nas “entrelinhas” deste texto entendemos que o tanque de Betesda não era um lugar muito agradável, pois ali se concentrava muitos doentes e inválidos (cegos, mancos, paralíticos...) e de vez em quando, não era sempre, não era constante, era de vez em quando que o anjo descia para agitar as águas. E havia um paralítico narrado por esta passagem que estava ali há 38 anos e em conversa com Jesus disse-lhe que não tem quem o ajude, todas as vezes que o Anjo desce e agitam as águas alguém entra no tanque antes de mim! Como disse anteriormente “nas entrelinhas” o paralitico não sabia com quem estava falando. Contudo, mesmo sem saber ele foi contar a sua dificuldade a pessoa certa!

Quantas vezes estamos em situações, lugares e com pessoas não muito agradáveis, contra a nossa vontade, estamos assim por necessidade, a espera do milagre e não percebemos que Jesus se encontra presente naquele lugar e até falando conosco, porém não o reconhecemos.

O problema daquele paralítico era óbvio! Ele era paralítico e não estava ali só por estar, ele tinha a esperança de ser curado, e Jesus de forma óbvia pergunta “Você quer ser curado?” Você já percebeu que geralmente não sabemos o que queremos? Estamos esperando o agir de Deus e não sabemos o que queremos. Mesmo sendo tão óbvio, como o paralítico!

É obvio que Ele esta falando com você da mesma forma que falou com o paralítico “queres ser curado?...” Esse é o momento de você e Jesus! É a oportunidade de você contar o seu problema, o seu lamento, mesmo que seja óbvio, mesmo que faça anos, Jesus está disposto a escutar você!

“...Imediatamente o homem se levantou e andou...”
 
isso pode acontecer com você! Fale com Ele!

Compromisso

Hoje a correria do dia me inspirou e vou me usar como exemplo! Acordei não muito disposto, sabia que o dia iria ser cheio! apareceram uma dores aqui outras ali, uma falta de coragem mas levantei da cama, tomei aquele banho para despertar o que não funcionou! Logo cedo compromissado com minha mãe (compras para casa) depois a tarde trabalho (estagio) e final no final da tarde combinei de encontrar com uma amiga (literalmente amiga) e a noite teria uma culto para irmos!

Bom essa era para ser a minha agenda, mas... Só conseguir cumprir a primeira tarefa! Sabia que não podia cumprir as outras e me preocupei ligar para avisar ao chefe que não poderia ir, desmarcar cinema, só não desmarquei o culto na esperança de melhorar!

Diante desta situação lembrei que criamos compromisso com todos que estão a nossa volta, seja no trabalho, amigos, igreja, família, paqueras, colegas... e sempre que brota uma dificuldade ou impossibilidade damos um jeito dar aquela ligadinha, para desmarcar e até remarcar!

Infelizmente não tratamos Deus da mesma forma, Deus é “O Cara” que nos ama, nosso pai, que nos perdoa dos pecados e falhas, que nos ajuda, que supre as nossas necessidades, que compreende, para resumir é O Cara... e muitas vezes damos um bolo, o deixamos esperando, chupando dedo! Seja lá qual for a expressão que você usa!

E gostaria de perguntar a você, qual o compromisso que você teve com Deus? Ele levou um bolo? É melhor chegar atrasado do que não ir!

Remarque! Corra atrás! Dê uma oradinha... Ele ainda espera por você!
Lembre-se do compromisso que você tem com Deus!