sexta-feira, 24 de abril de 2015

Marcas de Uma Igreja Doente


Os sintomas nem sempre são claros, mas geralmente confundem. Manifestação dos Dons, Milagres, prodígios e maravilhas são promessas do fim dos tempos, da volta de Jesus e não de uma Igreja Curada!

Falamos muito sobre a Igreja de Cristo e para a Igreja de Cristo. Mas ultimamente tenho visto “líderes”, “pastores”, “apóstolos”, “bispos” cutucando com vara curta a liturgia do Culto, as vestes, sermões, músicas, templos e etc. Comecei a perceber que existe uma igreja (povo/gente) doente, traumatizada, armada, pisando em ovos pelos simples fatos destes acusadores continuarem apontando em vez de apascentando.

Pensando nisto, percebi que todos nós sabemos qual a real função da Igreja. Não estou falando da função espiritual de adorar e exaltar o nome de Deus, mas a função terrena, física... estou falando de atitudes. Uma Igreja doente não é simplesmente o oposto da Igreja saudável. A Igreja doente despreza a pregação do evangelho através do sermão, doutrina e etc. 

Mas como saber se a “minha” Igreja é saudável ou doente? Longe de mim, querer apontar, julgar a Igreja de Cristo! Quero mostrar a você o que a Bíblia nos fala sobre a Igreja de Cristo! Aqui vão alguns sintomas de que a Igreja (mesmo uma que creia na Bíblia, pregue o evangelho e abrace uma boa teologia) está doente.

1- Quanto mais Superficial e Rápido o Sermão Melhor!
Uma das coisas que sempre valorizei em nossa igreja são os sermões. Pois a Bíblia sempre foi o ato central do sermão. Sem temas obscuros e sem segundas intenções, ouvimos sobre o pecado, salvação, cura, libertação, a glória de Deus, provisão, desertos, paixão, cruz, morte, ressurreição de Cristo e etc. Poderia escrever vários temas, mas o que deve ser abordado é o que a Igreja precisa e não o que quer ouvir.
“Logo a fé vem pelo ouvir, e o ouvir vem pela palavra de Cristo.” Romanos 10:17

2- Servir ao Senhor sem Alegria!
Tem muita gente que não tem mais interesse em compartilhar a mensagem de Salvação. Não se envolvem mais na obra do Senhor, perdeu o interesse, prazer, alegria... o culto virou uma obrigação. 
“Ah mas todo trabalho tem seus altos e baixos.” “Tem hora que cansamos!” “O meu líder não estava errado!” e Jesus estava errado quando confiou a obra a você? Ore pelo seu líder, ore por mudanças divinas agindo assim, breve, breve, você verá a resposta de sua oração no ministério, na igreja e em você.
“Alegrei-me quando me disseram: Vamos á casa do SENHOR” Salmos 122.1

3- O pastor e a sua esposa não se dão bem.
Não são os desconcertos comuns ou os de estações difíceis que todo casal e família passa. Falo de um casamento frio, sem amor, superficial, sem entendimento, sem cumplicidade. Como a Igreja irá entender que Cristo é noivo e nós somos a noiva se os líderes não vivem como casal?
“...irrepreensível, marido de uma mulher, vigilante, sóbrio, honesto, hospitaleiro, apto para ensinar; Não dado ao vinho, não espancador, não cobiçoso de torpe ganância, mas moderado, não contencioso, não avarento; Que governe bem a sua própria casa, tendo seus filhos em sujeição, com toda a modéstia (Porque, se alguém não sabe governar a sua própria casa, terá cuidado da igreja de Deus?); Não neófito, para que, ensoberbecendo-se, não caia na condenação do diabo. Convém também que tenha bom testemunho dos que estão de fora, para que não caia em afronta, e no laço do diabo.” 1 Timóteo 3:2-7

4- Para Onde Vai O Dinheiro?
A Igreja (instituição) vive dos dízimos e das ofertas e lida com isso de diferentes formas. Aluguel, funcionários, energia elétrica, tarifas de água, taxas, material de limpeza e etc. O crescimento da comunidade também traz consigo responsabilidade.
Mas o maior investimento que os líderes devem é no Povo! Obras Sociais dentro e fora da Igreja, conforto, som de qualidade, departamento infantil qualificado e etc. Jesus operou milagres no povo e para o povo e não no prédio ou instituição.
"Tenho-vos mostrado em tudo que, trabalhando assim, é necessário auxiliar os enfermos, e recordar as palavras do Senhor Jesus, que disse: Mais bem-aventurada coisa é dar do que receber." Atos 20:35

5- Exímios Líderes [ou não!]
Líderes que nunca erram, jamais estão enganados e que não aceitam sugestões (absolutos) estão guiando a Igreja segundo o seu entendimento (ou talvez interesse) não para a glória de Cristo. Jesus não excluiu as mulheres, crianças, enfermos, pecadores, endemoniados... pelo contrário Jesus curou, tratou, libertou... não excluiu ninguém! Como anda a sua liderança?
"Vinde a mim, todos os que estais cansados e oprimidos, e eu vos aliviarei.Tomai sobre vós o meu jugo, e aprendei de mim, que sou manso e humilde de coração; e encontrareis descanso para as vossas almas. Porque o meu jugo é suave e o meu fardo é leve." Mateus 11:28-30

6- Missões pra que?
Um bom sermão, com unção e estudo da Palavra inspira a Igreja(Nós) a compartilhar o evangelho com aqueles que não ouviram ainda. O Ide não são eventos gigantescos ou trazer cantor famoso isso pode até conquistar almas. Mas a Igreja precisa incentivar os membros a evangelizar através do testemunho, obras, eventos, estratégias evangelísticas e investir nos missionários. Como a Igreja irá viver o IDE dentro de 4 paredes?
“Ide por todo o mundo, pregai o evangelho a toda criatura” Marcos 16.15

7- Música ou Louvor?
O que tem sido tocado nos Cultos são louvores ou Música? Aparentemente, a grosso modo pode parecer a mesma coisa mas o Ministério de Louvor não é banda, não é um simples conjunto musical. O compromisso é muito maior que uma boa música! Levar a congregação a adoração de forma que agrade a Deus. As músicas são selecionadas e inspiradas por Deus e não pela banda do momento, pela moda ou porque serve de “auto ajuda”. O louvor que você tem cantado no Culto é para você (seu ego) ou para glória de Deus?
"Eu te louvarei, Senhor, de todo o coração; diante dos deuses cantarei louvores a ti.
Voltado para o teu santo templo eu me prostrarei e renderei graças ao teu nome, por causa do teu amor e da tua fidelidade; pois exaltaste acima de todas as coisas o teu nome e a tua palavra." Salmos 138:1-2

8- Sermão? Pregação?
A ministração da Palavra de Deus é fundamental no Culto é um momento precioso de meditação da Palavra de Deus. Infelizmente em alguns templos isso não mais acontece e quando acontece leva no máximo 10min. Vejo púlpitos virando palco de show, sendo compartilhado demais com pessoas despreparadas ou substituem por testemunhos, milagres e libertações. Ou esteja acontecendo justamente o oposto... púlpito exclusivo! Nunca muda, ninguém prega a não ser “ele”! Uma pregação enfadonha, sem vida, sem unção, mesma temática, mostra claramente a falta de preparo (espiritual ou acadêmico). A Bíblia foi-nos dada por Deus para meditarmos, desfrutarmos e vivermos. Tem sermão na sua Igreja? Edifica ou empolga? Transforma ou acomoda? 
"Com todo o meu coração te busquei; não me deixes desviar dos teus mandamentos. Escondi a tua palavra no meu coração, para eu não pecar contra ti. Bendito és tu, ó Senhor; ensina-me os teus estatutos." Salmos 119:10-12

9- Não faz diferença!
Cultuar a Deus de forma livre é um privilégio. Adorá-lo é nossa obrigação! Mas pode acontecer imprevisto que nos impeçam de comparecer ao Culto naquele dia. Podemos louvar a Deus onde estivermos e como estivermos. Mas congregar é importante! Você tem sido importante em sua Igreja? Você faz falta? Não falo de números, 80, 90, 100 membros e sim da pessoa. Você faz falta quando não vai ao Culto? Se a Bíblia diz que somos um só corpo, como pode um corpo ser saudável sem um membro?
“Porque assim como em um corpo temos muitos membros, e nem todos os membros têm a mesma operação, Assim nós, que somos muitos, somos um só corpo em Cristo, mas individualmente somos membros uns dos outros.” Romanos 12:4-5

10- Porão Sujo Demais!
Percebo que as Igrejas doentes muitas vezes têm uma prática que as pessoas que expõem os problemas da própria Igreja, “mexem nos nossos problemas, é quem tem problemas!” Pode ser um pastor que não sabe pregar, um líder em relacionamento ilícito, o ministério do louvor que nunca fica para ouvir o sermão, um líder que que ordena e intimida. Existem problemas (doenças) que precisam ser tratados em sigilo. Preservando a privacidade e a moral da pessoa. Mas isso não é desculpa para fazer vista grossa naquilo que podem ver claramente. Você tem liberdade na Igreja para se expressar? Dar opinião? Trazer solução?
"O que encobre as suas transgressões nunca prosperará, mas o que as confessa e deixa, alcançará misericórdia. Provérbios 28:13


Que Culto a sua Igreja tem oferecido a Deus?

O que exala nele, o Bom Perfume de Cristo ou doença?


Deus não está olhando a sua carteira, carro, curriculum, o tamanho da sua fé, nem a hora ou dia certo do Culto... Ele diz: “Mas a hora vem, e agora é, em que os verdadeiros adoradores adorarão o Pai em espírito e em verdade; porque o Pai procura a tais que assim o adorem. Deus é Espírito, e importa que os que o adoram o adorem em espírito e em verdade.” João 4:23-24

Procure um lugar onde o verdadeiro evangelho é pregado, a Graça é abundante, a oração é importante. Assim verdadeiramente você será apascentado, feridas saradas, passado apagado e vida transformada.

Marcel RMSS

Nenhum comentário:

Postar um comentário